União de Famílias do Rio Grande do Sul se reúne em Itaara
23 de março de 2019

União de Famílias do Rio Grande do Sul se reúne em Itaara

 

No fim de semana de 9 e 10 de março, os cursos consagrados da União Apostólica de Famílias da Região Sul participaram do Encontro da Comunidade Oficial, no Centro Tabor, em Itaara. Junto ao Santuário Tabor Puer et Pater, as famílias trabalharam e refletiram a respeito do Lema da União do Brasil para 2019: "Famílias da União, unidas ao Pai e Fundador, fiéis à origem, construindo uma Nova Terra Mariana".

Ao todo, os casais e os filhos somaram 70 pessoas, provenientes de Santa Maria, Santa Cruz do Sul e Porto Alegre.

Outro tema abordado no encontro foi o centenário do Congresso de Hoerde, que será celebrado em agosto e tem grande importância para a comunidade, já que marca a criação da União Apostólica dentro do Movimento de Schoenstatt. A mensagem extraída da data é que as famílias unionistas devem renovar o compromisso apostólico, a exemplo dos jovens de 1919. O encontro ainda abordou os 70 anos da coroação da Mãe Três Vezes Admirável como Rainha da Filialidade Heroica, e a Santidade da Vida Diária. 

O tema da santidade envolveu também os filhos das famílias da União que estavam no encontro. Durante todo o fim de semana, as crianças e jovens presentes, dos 4 aos 22 anos, tiveram uma programação paralela, com muitas brincadeiras, quando o tempo permitiu, ao ar livre, e também o estudo da vida dos santos e heróis de Schoenstatt. A partir do testemunho e da trajetória de Santa Joana D'Arc, de Santo Inácio de Loyola e de José Engling, os pequenos aprenderam que a santidade envolve três aspectos principais: ouvir o chamado de Deus, ter coragem para seguir este chamado e enfrentar os desafios que ele envolve, e sacrificar-se pelos outros. Nessa linha, pais e filhos participaram, na tarde de sábado, de uma gincana de integração, confraternização e aplicação dos conhecimentos sobre a santidade.

O encontro se encerrou no domingo ao meio-dia, após um almoço e a Santa Missa, celebrada pelo Pe. Rodrigo Cabreira, do Instituto dos Sacerdotes Diocesanos de Schoenstatt, pároco da Paróquia Santo Antônio de Pádua, em Silveira Martins.